×
afrofuturismo — matilda — 17 de outubro de 2018

COLABORAÇÃO: MATILDA + NEGRUM3

Nos últimos dois meses, o curta documental sobre identidades negras contemporâneas foi desdobrado de maneira colaborativa na Matilda.

Em meados deste ano, nós da Matilda fomos apresentados ao documentário NEGRUM3, filme que se inspira no afrofuturismo para construir uma alegoria ultra-colorida de jovens negros LGBT+ de São Paulo no seu presente momento.

Dirigido por Diego Paulino, vencedor do prêmio Prêmio Antonieta de Barros para Jovens Comunicadores Negros em 2016, NEGRUM3 dá o foco e todo o seu brilho a artistas que ressignificam a imagem negra para contar a própria história.

Este foi o início de uma rica e intensa colaboração. Ao longo da produção do filme, Diego entrevistou artistas negros que estão pensando algo diferente sobre estética dentro das suas áreas de atuação. E tudo isso rendeu um material tão rico que merecia ser compartilhado e reverberado.

Matilda teve acesso à esse conteúdo inédito, que se transformou em uma série no nosso canal de Youtube. Para quem não conseguiu acompanhar, a gente compilou tudo aqui. Pega a visão desses artistas e sinta toda a sua energia cósmica.

 

Vídeo #1 | NEGRUM3 + Jup do Bairro

 

A incrível performer, rapper e backqueen vocal da Linn da Quebrada fala, entre outras coisas, sobre o poder de se recriar — seja estética, política ou sentimentalmente.

 

Vídeo #2 | NEGRUM3 + Wendel Melo

 

O visagista e colorista, que serviu de fonte para a nossa matéria/editorial sobre cabelos crespos, fala do poder de alterar a própria imagem.

 

Vídeo #3 | NEGRUM3 + Kelen Lima

 

Sempre antenada, Kelen Lima é designer e especialista em tendências de comportamento, nome fundamental para entender o que acontece na moda para além das passarelas.

 

 

Vídeo #4 | NEGRUM3 + Euvira

 

O performer, artista visual e produtor cultural Misael Franco, mais conhecido como Euvira, fala sobre a ocupação de espaços que antes lhe eram negados e da importância de estar presente nesses locais.

Para ver e conhecer mais subjetividades negras, acompanhe NEGRUM3 no Instagram e no Facebook. E continue acompanhando nossas redes sociais para mais conteúdos construtivos e colaborativos.